Entrevista a Milton Anjo

Tagged: , , , ,

Em primeiro lugar, poderia falar um pouco de si? Que idade tem? Onde vive? É casado, com filhos? Etc…

Em primeiro lugar o meu nome completo é Cândido Milton Vaz Anjo, tenho 32 anos de idade e nasci em Vila do Conde, embora a minha vida esteja muito mais ligada às Caxinas (lugar de Vila do Conde) onde fui criado pelos meus avós enquanto os meus pais iam trabalhar, desde a catequese, escuteiros, percurso escolar, amizades e inclusive o ginásio.

O que faz em termos profissionais?

Sou instrutor de Musculação e Cardiofitness , Personal Trainer, instrutor de Bosu e TRX

Porque começou a praticar musculação e quais foram as influências que o levaram a escolher este desporto?

Comecei a praticar desporto desde muito novo, creio que desde os 10, 11 anos de idade por influência de 2 tios meus que andavam a cumprir serviço militar. Na altura que vinham de fim de semana, punham-me a fazer musculação e outros exercícios com eles. Depois pelos filmes, calendários e revistas.

Na altura, inícios dos anos 90, não havia ginásios como hoje existem. Que eu saiba só havia um e lá fizeram-se grandes campeões e era na Povoa do Varzim. Mas eu era muito novo e optei por fazer voleibol, fui federado durante 5 anos no Ginásio Clube Vila Condense até que aos 16 anos de idade realizei o meu sonho, entrar no ginásio.

Pratica outros desportos? Quais?

Gosto de muitas modalidades, não tenho é tempo como gostaria para as praticar a todas. A minha preferida é o kravmaga (defesa pessoal israelita), mas tive azar, optei por dar uma pausa pois causava-me muitas lesões, mesmo assim aconselho a toda gente.

Qual o seu ídolo/s ou pessoa/s com que mais se identifica neste desporto?

Muito sinceramente, não tenho ídolos e acho que e muito mau tê-los porque quando idolatramos alguém esquecemo-nos de nós mesmos e cada um é como é. Agora como modelos ou referências, tenho o grande atleta, o senhor Dorian Yates, e o meu amigo e preparador Ramon Gonzales.

Tem o apoio dos seus familiares e amigos?

Sim, graças a Deus, é neles que muitas vezes vou buscar forças.

Como reagiram quando se envolveu na musculação?

Reagiram bem, pois sabiam que estava a fazer desporto e viram que comecei a ter uma vida mais saudável.

E mais tarde quando se envolveu mais a sério e começou a competir?

Aí a história muda um pouco, como sabem há muitas coisas em jogo, são as dietas muito muito rigorosas, o dinheiro sem retorno que se investe, temos que pensar se amanhã queremos construir um futuro e não vamos comer ferro nem levar a família a morar no ginásio só mais por isso entendem? Tem mais implicações devido ao aspecto financeiro.

Para os que não acompanharam a sua carreira competitiva, em quantas competições já participou e que classificação obteve?

Como atleta e preparador aqui vai o meu curriculum desportivo.

2009 Campeonato da Europa  Bélgica – Vice Campeão. WABBA*
2009 Campeonato do Mundo Hungria -7º Classificado. WABBA
2009 Campeonato Regional Norte -1º Classificado absoluto. WABBA
2009 Campeonato Nacional -1º Classificado Absoluto. WABBA
2009 Open cidade Vila do Conde -1º Classificado. WABBA
2009 Campeonato Regional Norte -1º Classificado Absoluto. IFBB*
2009 Campeonato Nacional -1º Classificado Absoluto. IFBB
2009 Taça de Portugal org.[ Manz]  Aveiro  -1º Classificado. IFBB
2006 Campeonato Nacional -1º Classificado. IFBB
2006 Campeonato Nacional -3º Classificado geral. IFBB
2006 Grande Prémio Ultimate Stack -2º Classificado. IFBB
2006 Mister  e Miss Fitness Portugal -1º Classificado. IFBB
2006 Mister e Miss FItness Portugal  – Prémio de Melhor Posador
2004 Open Internacional do Algarve -5º Classificado
2004 Grande Premio Rómulo e Perfektos Gym -1º Classificado
2004 Grande Premio Rómulo e Perfektos Gym – Prémio de Melhor Posador
2002 Campeonato Nacional – 2º Classificado
2002 Grande Premio Expo Viva em Forma Fil  – 5º Classificado IFBB
2002 Open Celeiro do Algarvio -5º Classificado
1999 Campeonato do Mundo Masters e Juniores Portugal -7º Classificado IFBB
1999 Noite dos Campeões – 9º Classificado IFBB

*WABBA ( World Amateur Body Building Association)

*IFBB  ( International Federation Body Building)

Preparador de atletas de alta competição

Inês Gui Marques Caldeira Proença: Bodyfitness

2011 Campeonato Nacional – Campeã absoluta IFBB
2011 Campeonato Regional norte – Campeã IFBB
2010 Open  Cidade Vila do Conde  – Campeã  WABBA

– Paulo Ribeiro: Bodybuilding

2011 Campeonato Regional  – Campeão absoluto IFBB
2011 Campeonato Nacional  – Campeão IFBB
2011 Campeonato Nacional  –  4º classificado  geral IFBB

– Rui Manuel Laka : Bodyfitness

2007  Campeonato Nacional  – Vice Campeão  WABBA
2005   Open  Nacional – 3º Classificado  IFBB
2005 Campeonato Nacional – 4º Classificado IFBB

– Tiago Filipe Rodrigues Ferreira Bodybuilding

2007 Campeonato Nacional – Campeão WABBA
2007 Campeonato  do Mundo – 14º  Classificado WABBA
2006 Campeonato Nacional, Campeão IFBB

– Vítor Loureiro: Bodybuilding

2008 Taça Cidade Vila do Conde 2º Classificado WABBA
2008 3º Classificado Algarve WABBA
2008 taça de Portugal – 3º Classificado  org.[ Manz ]IFBB

– Manuel Luís Vieira da Rocha: Bodybuilding

2010 Taça de Portugal  Iniciados – Campeão IFBB
2010 Campeonato Nacional – 3º Classificado WABBA

– Altino Silva Maia: Bodyfitness

2008 Campeonato Nacional – 4º Classificado IFBB
2008 Campeonato Nacional – 3º Classificado WABBA

Já participou em competições internacionais, se sim, o que nos pode contar acerca dessa experiência?

A primeira competição internacional foi em 1999 no Campeonato do Mundo de juniores onde obtive a 7ª classificação, em 2009 participei também no Campeonato da Europa onde obtive a 2ª classificação, e no mesmo ano, participei no Campeonato do Mundo, onde obtive a 7ª classificação. Além da troca de experiencias como atleta, fiz uma grande amizade que perdura ate hoje com o meu irmão de armas e grande culturista Filipe Correia, já lá vão 11 anos, e também com a rainha do culturismo português Eulalia e das melhores atletas mundiais, o Ruizinho o etc.

Está a ponderar participar em alguma competição em breve? Qual?

Claro que gostaria e muito, pois a competição está-me no sangue e muito sinceramente habituei-me a treinar com objectivos desde que entrei no ginásio pela primeira vez na minha vida, não é que não goste de treinar sem o objectivo de competir, mas é muito diferente. Mas para já, quero é voltar a recuperar a forma e logo se depois logo se vê.

O que considera que se valoriza mais nos dias de hoje? Quantidade de massa muscular, simetria ou definição?

Muito sinceramente, o tamanho aliado a uma secagem a simetria. Esta e a ordem que para mim conta, todas interligadas formam um culturista completo.
Milton Anjo5 Entrevista a Milton Anjo

7º Classificado no Campeonato do mundo 2009

No dia em que me olhar ao espelho e disser que estou completo, deixo o culturismo pois é quase impossível chegar à perfeição e a piada está ai. É superarmos a nós mesmos, se perguntar a qualquer desportista se poderia fazer um pouco mais, seja em que desporto for, seja que campeão for, ele vai sempre dizer que poderia fazer um pouquinho mais.

No caso de ter um ou mais pontos fracos, que estratégia usou para melhorar esse/s grupo/s musculares?

Treinar ainda mais duro para superar esse obstáculo. E ouvir a critica construtiva de um amigo frontal e verdadeiro.

Como culturista, alguma vez se sentiu prejudicado em termos de classificação?

É como tudo na vida…principalmente no campeonato do mundo, não tínhamos nenhum júri português na mesa de júris e quando assim é, não há muito a fazer, infelizmente.

Se pudesse mudar alguns aspectos do culturismo nacional, quais seriam?

Essa pergunta é um pouco difícil e não abrange só ao culturismo, é um cancro nacional alimentado pelo nosso próprio governo que só vê o futebol. E a imprensa por vezes não ajuda nada e quando divulgam algo, é sem qualquer respeito pela modalidade ou por nós atletas. Quanto ao resto não sou a pessoa mais indicada para responder.

Que objectivos tem para o futuro, tanto no plano pessoal como profissional? Estudos talvez?

Para o futuro tenho o objectivo de me manter na área do fitness mas como personal trainer. Estudos, talvez uma licenciatura.

Quais as características que, na sua opinião um bom competidor tem de possuir?

Amor pela modalidade. Vocês podem perguntar, só isso? e eu respondo sim, porque a palavra amor no contexto da modalidade engloba o sacrifício, a constância, disciplina e humildade.

Quando se prepara para competir, que tipo de dieta utiliza?

Muito baixa em hidrato a roçar na cetogénica, ou seja quase zero em hidratos de carbono e alta em gorduras e proteínas, sem sal e controlo o consumo de líquidos.

E fora das competições, em “off-season”?

Ai já me sinto na obrigação de elevar os hidratos de carbono, mas sempre complexos e baixo um pouco as gorduras saudáveis.

Quais os alimentos “proibidos” de que mais gosta?

Quase todo o tipo de doces, desde que não sejam em excesso de maneira a tornarem-se enjoativos, hamburguers e umas batatinhas fritas em azeite.

E quais são os que menos gosta?

Comidas demasiado condimentadas e enchidos.

Utiliza suplementos? Quais?

Proteína, creatina, glutamina, multivitamínicos e oxido nítrico.

Pode-nos dizer qual o tipo de regime de treino que prefere usar ou que segue actualmente?

Actualmente treino da seguinte forma 2 dias treino 1 de descanso só no treino de perna é que realizo esse grupo muscular isolado, de resto junto um grupo muscular grande e um pequeno realizo 12 series para o grande e para o pequeno 9 series, 1minuto de descanso entre series as vezes dou mais uns segundos.

Qual o grupo muscular que mais gosta de treinar, e qual o exercício que mais gosta de executar?

Não tenho grupos preferidos, gosto de treinar todos no geral, tenho que estar o mais equilibrado que consigo e posso, pois quando estou a ser avaliado tento apresentar-me o mais completo possível, por isso dou o meu melhor e gosto de todos eles.

Modifica o seu esquema de treino antes de uma competição?

Em competição acrescento um exercício de detalhe num ou outro grupo muscular, aumento os números de repetições nesses mesmos exercícios e nada mais, a alteração mais profunda é no exercício cardiovascular.

Como prefere realizar os seus treinos, com pesos livres ou máquinas?

Depende da altura, e visto estar a falar do meu caso, pessoalmente prefiro os pesos livres sem dúvida alguma, apesar de que as máquinas também têm um papel importante e muito especifico.

Qual é para si o aspecto mais duro e difícil de ultrapassar na preparação para as competições?

O que me incomoda mais é o mau humor, a irritabilidade devido à dieta, pois sou uma pessoa divertida.

Tem outros passatempos para além da musculação? Quais?

Passear ao fim de semana e de preferência para lugares calmos, adoro o sossego do campo e actividades ao ar livre, caminhadas etc. Gosto de cinema, conversar com os meus amigos e tento ler artigos relacionados com a musculação e o fitness em geral, que é a minha área profissional.

Como vê o desporto do culturismo de hoje em dia, mudou algo desde os primeiros dias em que começou a praticar musculação?

Em algumas felizmente mudou em outras piorou. Passo a explicar, hoje em dia está tudo mais desenvolvido a nível de estudos fundamentados por profissionais altamente qualificados, relacionados com treino, alimentação, recuperação e nutrição desportiva, dai os atletas tanto profissionais como amadores apresentarem-se cada vez maiores e com mais qualidade.

O negativo é a banalização de certos assuntos que aparecem na net e é preciso ter muito cuidado com alguns e  perdeu-se o respeito por quem realmente sabe e já deu provas. Hoje em dia toda a gente percebe muito do culturismo e é só gurus, quando na realidade, nem tudo e assim tão linear. Agora para um bom entendedor, meia palavra basta.

Tem alguma sugestão ou dica que queira transmitir aos leitores deste site/fórum que procuram obter sucesso no culturismo, ou desenvolver um físico de culturista?

Sim com todo o gosto. Em primeiro lugar nunca desistam dos vossos sonhos, sejam disciplinados e guerreiros nos momentos difíceis, pois vão ser muitos, sejam sempre humildes, e façam por ter amigos de verdade para que vos sejam sinceros nas alturas certas.

Penso que podemos ficar por aqui, deseja dizer algo mais ou agradecer a alguém em especial?

Quero agradecer ao meu preparador e amigo profissional IFBB Ramon Gonzalez, por tudo que me ajudou e ensinou, ao meu irmão de armas Filipe Correia por estes 11 anos de apoio incondicional com lágrimas e sorrisos , ao meu patrocinador Fernando,  representante da Beverly Nutrition em Portugal e proprietário da empresa Portuguesa de suplementos  PNF.

São dos únicos a ter coragem para apoiar o desporto nacional, enquanto outras empresas estrangeiras querem é vender. Se pedes apoio dão um chuto no traseiro e os atletas  ainda assim não aprendem e deviam era ajudar a quem proporciona a que este desporto não acabe.  Ao Maciel, ZE Lopes e Rómulo que me apoiaram e me ensinaram a dar os primeiros passos,  ao grande Rui Franco e Nuno Guerreiro e aos meus melhores  amigos Miguel  e Vitor Pereira.

E por ultimo dedico tudo o que consegui até agora,( sei que não e muito em comparação a muitos atletas mas para mim tem muito significado, porque fui eu que consegui com muito esforço) à minha mãe e avós.

A todos o meu muito obrigado e desculpem o mau feitio da dieta. lol

Obrigado por nos proporcionar esta entrevista, tenho a certeza que os seus fãs e os leitores deste fórum irão aprender algo com a sua experiência e ficarão a saber mais acerca de si e da sua carreira competitiva.

Eu e que tenho que agradecer pela vossa simpatia e profissionalismo, foi um prazer enorme partilhar um pouco da minha vida com vocês. Já agora um pequeno aparte, tenho pena que as revistas portuguesas da área do fitness não coloquem alguns artigos com atletas conceituados a nível nacional, assim promoviam a modalidade e impulsionavam a imagem dos atletas. Para todos os desportistas, seja ela qual for a modalidade, um grande abraço em especial para os guerreiros do ferro.

Mais abaixo, poderá visualizar uma galeria de imagens e um vídeo do atleta.

 

Deixe uma Resposta